PUBLICIDADE:



sábado, 9 de junho de 2018

INDIVÍDUO PRESO A DOIS DIAS ATRÁS MORRE NA CADEIA PÚBLICA DE MOSSORÓ/RN.


Paulo Weskley Dantas de Oliveira, 36 anos de idade, preso pela Guarda Civil com apoio da PM, na última quinta feira 07 de junho, acusado de participar juntamente com mais três comparsas, de um arrombamento na Loja Império Digital, localizada na Rua Dr. Mário Negócio no Centro de Mossoró,[Relembre Aqui] foi encontrado morto na tarde desta sábado (09), dentro da cela na Cadeia Pública de Mossoró.


De acordo com a direção da unidade, o preso teve um surto psicótico na tarde de ontem, sexta feira (08) e para preservar sua integridade física e a dos demais colegas de cela, teve que ser colocado em uma cela individual.

Na tarde de hoje, ele foi encontrado caído sem vida. O socorro médico do Samu foi acionado para o local e constatou o óbito do detento.

A equipe do Instituto Técnico Científico de Perícia (ITEP), Unidade Regional de Mossoró, foi até a Cadeia Pública e após periciar o corpo no local, removeu o cadáver para sua base e encaminhado ao setor de Medicina Legal, que fará os procedimentos de necropsia.

A perícia não identificou nenhum sinal de violência no corpo, mas somente após os exames de necropsia é que se poderá ter uma pósição em relação a causa da morte do detento. 


Fim da Linha.